Este túmulo, localizado no Cemitério de Salt Lake City (EUA), é de uma criança de 11 anos, que morreu em 1999, após sobreviver a diversas deficiências que o acompanharam desde o nascimento. Matthew Stanford ficou sem oxigênio durante o parto e isso acarretou diversas complicações em sua vida: ficou quase cego, não conseguia andar e nem falar direito. Segundo os médicos, ele não sobreviveria um dia sequer.

 

005a55efbfc30092bb04

 O menino, porém, conseguiu viver por 11 anos, após lutar contra diversas deficiências, virando um símbolo de luta pela vida. Seu pai, então, resolveu construir este túmulo, que mostra o pequeno Matthew deixando suas deficiências para trás e seguindo, feliz e sadio, rumo ao céu.
Pai faz túmulo pro seu filho, e formato chama atenção, o motivo é de emocionar

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.